Relação entre o Estresse e a Saúde da Pele #NaturalBeautybyLuanaMarchi

É engraçado, mas grande parte das pessoas não sabem o quanto o estresse pode impactar a saúde da pele e também na rotina alimentar.

18.04.Luana-179.jpg

Os efeitos negativos do estresse são cumulativos, pois o estresse pode causar falta de sono ou alterar o apetite, e ambos podem contribuir para o envelhecimento prematuro da pele e para problemas de pele.
Quando você está sob pressão, sua pele também está, logo, a condição da sua pele pode ser um reflexo do que está acontecendo dentro de seu corpo.
Durante períodos de estresse, os hormônios do estresse, como o cortisol, aumentam; isso retarda o ciclo de renovação das células, fazendo com que o corpo fique sobrecarregado com toxinas. Altos níveis de cortisol provoca inflamação, causando a quebra do colágeno - a proteína que mantém a pele firme, tonificada e lisa - resultando em pele fina, linhas finas e ressecamento.
A qualidade do sono e os níveis de estresse estão intimamente conectados. Uma noite mal dormida causará irritabilidade e estresse. Portanto, ter uma boa quantidade de sono irá melhorar o seu bem-estar e funcionalidade.
Se você notar algum sinal de tensão nervosa, ansiedade ou problemas de sono,  aumente o consumo de alimentos rico em magnésio (sementes de abóbora, abacate, amêndoas, cacau e vegetais de folhas verdes) - isso poderá trazer muitos benefícios.

O magnésio ajuda a reduzir a tensão e o estresse no corpo, além de relaxar os músculos.
Aplicar pequenas quantidades de óleo de magnésio em áreas tensionadas, ombros e pés acalmará o sistema nervoso e permitirá que você tenha um sono mais tranqüilo.


É durante as horas de sono que o nosso corpo trabalha na reparação de músculos e tecidos, hormônios cultivados e regulação do apetite.

 

Luana Marchi